63 3215-8788

APROETO recebe primeira tocantinense a tomar posse no III Concurso da PGE/TO

Em 2016 nascia um sonho tocantinense que se concretiza nesta sexta-feira, 31, para Gabriella de Oliveira Santiago. Aprovada no III Concurso da Procuradoria-Geral do Estado do Tocantins (PGE/TO), ela é a primeira tocantinense a tomar posse no certame. Juntamente com Gabriella, serão admitimos mais 4 novos Procuradores, são eles: Lucas Leal Sousa, Carolina Mattos Goes, Caio e Silva de Moura, Gustavo Campos Abreu.  

 

Ao finalizar a graduação de Direito pela Universidade Federal do Tocantins (UFT) em 2013, até então técnica judiciária da Justiça Federal do Tocantins, Gabriella começou a sonhar e investir os estudos na Advocacia Pública, focando integralmente na área. Ao longo da trajetória de concursos, foi aprovada nas Procuradorias Estaduais de Sergipe, Pernambuco, Amapá, Mato Grosso do Sul e São Paulo. Em junho de 2019 tomou posse no cargo de Procuradora do Estado de São Paulo e se mudou para capital paulista. Em 2020 retorna ao Tocantins para tomar posse como Procuradora do Estado na PGE/TO. 


Imagem: Acervo pessoal

O presidente da Associação dos Procuradores do Estado do Tocantins (APROETO), Rodrigo Santos, afirma que “todas as posses são frutos do esforço da APROETO em trabalho conjunto com o gabinete da PGE/TO. Buscamos muito para a realização deste concurso e esse momento de receber os novos colegas simboliza uma recompensa pelo engajamento de todos. Parabenizo a todos pela aprovação, em especial, a primeira tocantinense a tomar posse neste concurso, Gabriella Santiago, pela dedicação, persistência e vontade de exercer a função de Procuradora do Estado do Tocantins. Reitero ainda que vamos continuar buscando a nomeação dos demais aprovados além de buscar compor as vagas resultantes das recentes aposentadorias”, garante o presidente. 


Imagem: Divulgação

Segundo a tocantinense, Gabriella de Oliveira Santiago, que tanto sonhou com a nomeação, a escolha pela PGE/TO se deu pela “admiração e confiança que sempre tive nessa carreira e a vontade de contribuir para defesa do interesse público no meu estado de origem. As funções desempenhadas pelo Procurador do Estado são absolutamente imprescindíveis para defesa do erário, do patrimônio público, do Estado em benefício da sociedade, da segurança jurídica, das políticas públicas e, via de consequência, para garantia do próprio ideal de Estado Democrático de Direito”, comenta.

 

Gabriella acrescenta que “A existência de uma Associação como a APROETO é de essencial importância para assegurar a luta pela melhoria institucional e estrutural da PGE/TO. Essa atuação ganha especial relevo diante da atual conjuntura, em que a reforma administrativa, a reforma previdenciária e a pressão pela extinção dos honorários sucumbenciais dos advogados públicos ameaçam os direitos e garantias dos Procuradores do Estado”, conclui.

  

Posses 

Além dos cinco candidatos a serem empossados, nos meses de outubro e dezembro de 2019 foram admitidos 10 Procuradores e já estão na ativa, são eles: o Dr. Renan Sales de Meira, a Dra Gabriela dos Santos Barros, o Dr. Gabriel Teixeira, o Dr. Raphael Barbosa dos Santos Teixeira, o Dr. José Humberto Pereira Muniz Filho, o Dr. Vitor Barbosa de Oliveira, o Dr. Rafael Freitas Costa, o Dr. João Vitor Fogolin, o Dr. Raul Mattei e o Dr. Tiago Cremasco Valim.


Q. 204 Sul Alameda Bem-Te-Vi, 11 - Plano Diretor Sul, Palmas - TO, 77020-026

63 3215-87888